sexta-feira, 5 de agosto de 2011




Dias e silêncios
Meu corpo inerte num gesto abissal
Apenas trago na boca mais um trago
do meu cigarro

- E a certeza do final -






M.M.

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Pela porta






Os olhos se voltaram contra mim
As verdades expostas sobre a mesa
Não pude dizer não nem sim
Saí à francesa


M.M

Canibalístico




O amor carcomeu:
Vísceras, sonhos e ilusões
Canibal
Roeu até os ossos




M.M.