sábado, 2 de fevereiro de 2013

Felicitate

“Que a felicidade não dependa do tempo, nem da paisagem, nem da sorte, nem do dinheiro. Que ela possa vir com toda a simplicidade, de dentro para fora, de cada um para todos”.
Carlos Drummond de Andrade





Sempre me pergunto o real significado da palavra felicidade. Todos têm suas teorias, suas fórmulas, seus ideais de vida. Uns dizem achar em coisas pequenas, singelas, como sorrisos, abraços, pessoas queridas. Outros num carro novo, num emprego, na última coleção de algum estilista. Outros são apenas pessimistas. Felicidade?Que eu saiba não exista. Mas, por onde eu olho essa palavra está exposta em letras grandes em outdoors pela avenida. Quer ser feliz?Compre, use, invista. Para ser feliz, fale uma nova língua, troque seu carro, emagreça, massagem, Pilates, o novo corte de cabelo daquela artista. Seja feliz, viaje, maquiagem, você já conhece a nova fórmula da progressiva?Alise, pinte, para quer ser você mesmo se você pode parecer a modelo da revista. Com tanta oferta, eu me pergunto, ser ou ter, qual a melhor versão para ser feliz na vida?


 M.M.

Nenhum comentário: